Delegação brasileira embarca para o Mundial Escolar de Handebol na Sérvia

Finalmente começa a missão brasileira rumo ao Mundial Escolar de Handebol, que será realizado em Belgrado, na Sérvia, entre os dias 27 de novembro e 5 de dezembro. Nosso País será representado pelo Colégio Amorim, de São Paulo, que conquistou a vaga ao vencer o Campeonato Brasileiro CBDE de Handebol, em 2019

As equipes feminina e masculina terão os seguintes estudantes-atletas:

Feminino: Merelen Rost, Kayane Melli, Julia da Silva, Luísa Albinelli, Yannka de Jesus, Sofia Bragoni, Pietra Jardim, Nathaly Mariano, Rayane Emelly, Lívia Freitas, Mirela Caetano, Giovana Xavier, RayraVieira, Alana Generoso. Técnica: Carla Vanessa Rodrigues Antonucci.

Masculino: Pedro Henrique, Nelson Lopes, Gabriel Milantoni, Vinicius de Castro, Thiago Souza, Gustavo de Moura, Enrico Magina, Guilherme Maia, Matheus Heffliger, Diegho Oliveira, Luis Otaviano, Pedro Herberth, Nicolas de Souza e João Vitor Sousa. Técnico: Maurício Antonucci.

Além do Brasil, outros 13 países estarão envolvidos na competição: Bulgária, Dinamarca, Egito, França, Alemanha, Índia, Luxemburgo, Marrocos, Polônia, Romênia, Eslováquia, Eslovênia e a anfitriã Sérvia.

O mundial da modalidade acontece a cada dois anos. O primeiro campeonato foi realizado em 1973, na Françaportanto, essa será a 25° edição do evento. A última edição aconteceu em Doha, no Catar, e o Brasil ficou com a quarta colocação no feminino e a sexta no masculino.

As competições internacionais escolares ficaram paralisadas devido à pandemia de COVID-19 e foram retomadas em setembro com a Gymnasíade, também na Sérvia, com o suporte da ISF (Federação Internacional do Desporto Escolar). Protocolos de saúde foram adotados com sucesso nessa competição e serão mantidos no Mundial de Handebol. No Brasil, a CBDE segue rigorosamente esses protocolos com testagem, distribuição de máscara, álcool em gel e orientações fundamentais para a manutenção da saúde dos componentes da delegação.

Além de todos os cuidados com a segurança e a saúde dos estudantes-atletas, a CBDE montou a estrutura para que os estudantes-atletas possam ter o suporte necessário para, muito além da oportunidade de disputar uma competição internacional, viver um intercâmbio cultural e ter uma experiência que fará a diferença na formação de cada um como cidadão. Confira o quadro de profissionais CBDE envolvidos no Mundial de Handebol:

Cássio Roberto Fonseca (Chefe da delegação);
Francisco Braz da Cruz Filho (Segundo Vice-Presidente da CBDE);
Gileno Pereira Souto Júnior (Presidente da Federação Norteriograndense do Desporto Escolar);
Flávia Soares de Oliveira (Presidente da Federação de Esportes Estudantis do Piauí);
Silmara Pereira Sanches Furtado (Árbitra);
Maria Isolina Fazzani (Árbitra);
Jorge Augusto (Fisioterapeuta);
Marcus Cicarinni (Jornalista/Cinegrafista);
Airton Queridão (Jornalista/Social Midia e Narrador).

A CBDE transmitirá os jogos das seleções brasileiras pelo canal oficial da entidade no YouTube (https://www.youtube.com/c/CBDEBrasil) e fará a cobertura do evento pelo Instagram (@cbdeoficial) e Facebook (cbdeoficial/).

Fique de olho e não perca o calendário de jogos. Contamos com a sua torcida!

Por: Airton Lima e Marcus Cicarini

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *