Eleito orador da turma pelos colegas, Antônio Hora Filho se forma no principal curso de gestão esportiva do país

Por: Jesus Filho

Foto: Guilherme Tabuada / COB

Brasília – Com carga horária de mais de 360 horas distribuídas em nove módulos, na última sexta-feira (26), o presidente da Confederação Brasileira do Desporto Escolar (CBDE), Antônio Hora Filho, se formou no Curso Avançado de Gestão Esportiva (CAGE), do Instituto Olímpico Brasileiro (IOB), órgão educacional do Comitê Olímpico do Brasil (COB). Trata-se do mais importante curso de gestão esportiva do país, que no mercado, tem status de mestrado em gestão avançada, onde personalidades do segmento participam de um amplo, exigente e disputado programa de capacitação do comitê.

“O CAGE é o maior curso de gestão do COB. Seu impacto se dá tanto pela qualidade da equipe de docentes, quanto dos alunos gestores participantes. Durante o período do curso, há um intenso ambiente de análises e discussões sobre cenários da gestão do esporte brasileiro, além do desenvolvimento de projetos que visam solucionar problemas reais das principais organizações esportivas do país”, contou Soraya Carvalho, gerente do Instituto Olímpico Brasileiro.

Foto: Guilherme Tabuada / COB

A presença do presidente da CBDE no mais importante curso de gestão esportiva do país, teve importantes resultados. Além de ter sido aprovado “com louvor” nas exigentes etapas do CAGE, Hora Filho durante seu discurso, fez questão não só de fazer um elogio público ao presidente do COB, Paulo Wanderley, que acompanhou e participou da cerimônia de formação que ocorreu de forma remota, como também, ressaltou a importância do time acadêmico que compõe o curso. 

– O presidente Paulo Wanderley não só como técnico campeão Olímpico, mas como gestor, é uma inspiração a todos os gestores esportivos do nosso país em razão de todo o sucesso que conquistou ao longo de sua história. Sua liderança nos motiva a buscar cada vez mais a excelência que o seu bom exemplo nos oferece como principal legado. Ressalto, também, a importância do “dream team” de orientadores do IOB, capitaneado pela Soraya Carvalho. Cada um com sua característica específica que consegue desenvolver habilidades extraordinárias em pessoas comuns que muitas vezes não sabem que as possuem. Ter a possibilidade de conviver com gestores de diversas entidades esportivas nesse network, nos possibilita realizar um planejamento esportivo atualizado e cada vez mais eficaz. 

Foto: Guilherme Tabuada / COB

Durante a apresentação de seu TCC baseado no plano estratégico da CBDE para o ciclo 2021/2024, Hora Filho foi um dos destaques da turma não só por sua desenvoltura, mas pela objetividade e praticidade das informações que foram passadas, como salientou o professor Criatiano d’El Rei, escolhido pelo gestor sergipano para ser seu orientador.

– O trabalho que o Hora apresentou foi um dos melhores de todo o grupo. Informações consistentes que obedeceram a todas as etapas solicitadas para a sua elaboração. Alguns optaram por modelos mais acadêmicos, já a apresentação dele visou a praticidade que já está sendo elaborada no dia a dia da CBDE. Acho que esse foi um dos diferenciais do seu TCC que foi amplamente elogiado.

Foto: Guilherme Tabuada / COB

Depois de quase dois anos de convivência, d’El Rei fez questão de elogiar não só o desempenho de Antônio Hora no curso, como também, a sua preocupação de sempre estar aprendendo para colocar em prática todo o seu conhecimento a favor do esporte brasileiro.

– É muito bom conviver com pessoas sinceras, inteligentes e extremamente tranquilas como ele é. O tempo inteiro se mostrou interessado em estar ali não como pessoa física, mas pelo líder gestor que o Brasil conhece. Esse, sem dúvidas, foi o seu diferencial ao longo de todo esse tempo.

Foto: Guilherme Tabuada / COB

A boa relação entre os colegas aliada à sua capacidade intelectual, fizeram com que o seu nome fosse o escolhido por votação direta para ser o orador da turma. Feliz com os resultados, logo após a formatura, Hora declarou que as boas práticas, aliadas as regras de compliance e transparência, seguirão sendo os fatores primordiais de sua gestão à frente da CBDE.

– O próximo passo é dar continuidade na gestão da CBDE, baseado nas boas práticas de governança, dando ênfase a transparência, a conformidade, atendendo a todos os conceitos de compliance.

Ascom – Confederação Brasileira do Desporto Escolar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *