CBDE firma protocolo de intenções para promover o esporte estudantil no Timor-Leste

Por: Jesus Filho

BRASÍLIA – O presidente da Confederação Brasileira do Desporto Escolar (CBDE), Antônio Hora Filho, está no Timor-Leste participando de um encontro com autoridades esportivas que compõem a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP). Além dele, o brasileiro Robson Aguiar, vice-presidente da Federação Internacional do Desporto Escolar (ISF), também prestigia o evento que acontece na cidade de Díli, capital do país.

Na oportunidade, Hora Filho foi recepcionado e, em seguida, se reuniu com a ministra de Educação, Juventude e Desporto, Dulce de Jesus, firmando um protocolo de intenções para que a CBDE realize uma consultoria técnica ao Timor-Leste, com o objetivo de desenvolver o esporte estudantil no país. No encontro com a ministra, o presidente abriu as portas para a assinatura do termo de cooperação, proposta que não só aglutina, como fortalece o sistema brasileiro no âmbito internacional.

Antes, porém, a ministra Dulce fez questão de presenteá-lo com um “Tais”, tecido em formato de estola bastante tradicional que é utilizado como parte do vestuário no país. Cidade sede dos próximos jogos da CPLP que ocorrem entre os dias 11 de 21 de julho deste ano, o Timor-Leste pretende usar o bom exemplo de gestão por excelência da CBDE para fomentar a sua base esportiva.

A presença de Antônio Hora Filho e Robson Aguiar no Sudeste Asiático é uma das propostas da CBDE neste novo mandato. Além de expandir suas relações internacionais trocando experiências e adquirindo ainda mais conhecimento para que o Brasil continue sendo uma das principais potências esportivas do mundo, o fortalecimento institucional será uma ferramenta importante para o desenvolvimento do segmento em nosso país.

História dos jogos

Os Jogos da CPLP foram criados para reforçar a solidariedade entre cidadãos dos países da Comunidade, na busca de legados sociais, além de promover a reabilitação de algumas infra-estruturas esportivas e escolares das cidades que os recebem.

O evento vem sendo realizado desde 1992. A partir de 2008, quando o Rio de Janeiro organizou os Jogos, a periodicidade de dois em dois anos ficou estipulada pelos ministros da Juventude e do Desporto dos países-membros. A próxima edição, este ano, será no Timor-Leste, único país da Comunidade na Ásia que nesta oportunidade recebe os dirigentes brasileiros.

Durante a reunião de encerramento da 12ª Conferência dos Ministros da Juventude e Desporto da CPLP, em Luanda, no ano passado, ficou definido que em 2022 os jogos serão realizados no Brasil, fator que comprova o compromisso do Governo Federal e da CBDE não só com o bloco que forma a comunidade, como também, com os atletas escolares que almejam esse momento.

Ascom – Confederação Brasileira do Desporto Escolar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *