Dia de vitórias e muita emoção para os brasileiros na Grécia

Grécia – Os brasileiros viveram nesta segunda-feira (15), um dia de muita emoção provocada pelas seleções masculina e feminina, no Mundial Escolar de Basquete, torneio que está em disputa na cidade de Heraclion, na Grécia. Foram duas vitórias suadas, conquistadas debaixo de muito esforço e superação.

No masculino, o Brasil conquistou a vaga para as quartas de final, ao vencer a Finlândia por 57 a 49, isso depois de estar inferiorizado no marcador durante quase toda a partida. O time brasileiro só conseguiu a virada nos minutos finais, depois de três cestas de três pontos convertidas por Maurício. Foi uma vitória de muita garra e superação. Depois foi só comemoração entre todos os membros da delegação.

O jogo

O Brasil saiu na frente, marcou a primeira cesta, mas foi superado pela Finlândia, que neste quarto conseguiu fazer 18 a 12.
No segundo quarto, o Brasil ainda teve que correr atrás dos pontos, mas a Finlândia era dona das ações e chegou a fazer 23 a 15, uma diferença de 8 pontos. A partir daí, teve início a reação dos brasileiros. O Brasil foi crescendo, as bolas caindo e o segundo quarto fechou com uma diferença de apenas três pontos.

O terceiro quarto foi um verdadeiro teste para cardíacos. A diferença foi caindo até o empate em 34 a 34 pontos. O Brasil virou e fez 36 a 34. A Finlândia empatou e o placar ia se alternando até fechar o terceiro quarto com o Brasil dois pontos à frente com 43×41.

No último quarto a Finlândia faz três pontos logo no início e vira para 44 a 43. No meio do quarto, as duas seleções empatam em 46 pontos. Mas, duas cestas de três do Pedro, coloca o Brasil a uma diferença de seis pontos 52 a 46. A partir daí o Brasil não cedeu mais a vantagem para a Finlândia, encerrando o jogo em 57 a 49.

Com esse resultado, o Brasil passa às quartas de final e já tem garantido na pior das hipóteses, a oitava posição da competição, igualando-se assim, ao melhor resultado já conquistado por uma seleção brasileira escolar de basquete em campeonatos mundiais da modalidade. Mas os comandados do professor Márcio Isidro querem mais, querem fazer história superando essa marca.

Feminino

As meninas não fizeram por menos. O Brasil encarou a seleção do Líbano e esteve à frente do placar durante todo o tempo, virou vencendo no primeiro quarto, no segundo e caiu um pouco no terceiro, mas foi no último quarto, quando as libanesas passaram à frente que a coisa ficou ruim para as brasileiras.

Mesmo assim, comandadas por Maria Belém, as meninas do Brasil conseguiram uma vitória, suada, apertada com um final emocionante. As brasileiras venceram por 54 a 52 e agora vão disputar o décimo sétimo lugar.

Nesta terça-feira, 16, o dia é de folga. Acontece o “Dia Cultural”, com um passeio aos pontos turísticos e histórico da Grécia uma cidade milenar. À noite acontece a “Noite das Nações​, uma confraternização, um encontro de cultura, raças e costumes, onde os participantes da competição se encontram, trocam brindes, fazem apresentações artísticas e culturais, uma troca de conhecimento e cultura, que só mesmo o esporte proporciona. As competições recomeçam na quarta-feira. O masculino vai em busca das semifinais e o time feminino em busca de uma melhor colocação.

Jesus Filho
Assessoria de Comunicação da Confederação Brasileira do Desporto Escolar
Informações: +55: 061 99136-0090 / +55: 061 3967-7176
Texto e foto: Givaldo Batista
E-mail: imprensa@cbde.org.br
Endereço sede: Setor Bancário Norte, Quadra 2, Lote 12
Bloco F, Brasília – Distrito Federal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *